Icono información

Aviso de cookies

Usamos cookies propias para mejorar nuestros servicios mediante el análisis de sus hábitos de navegación. Si continúa navegando en esta página, consideramos que acepta su uso en los términos indicados en la Política de Cookies. Más información.

Acción SAN (Madrid) Negativo 4.003 | -1.03% | 17:35

Santander Totta lança 220 novas bolsas de mobilidade em países ibero-americanos (Disponible solo en portugués)

  • A Universidade de Évora, a Universidade dos Açores, a Universidade Lusíada, o Instituto Politécnico de Tomar e a Escola Superior de Enfermagem de Santa Maria integram pela primeira vez a iniciativa.
  • O programa destina-se a estudantes, professores e investigadores e inclui as Bolsas de Mobilidade Luso-Brasileiras e as Bolsas de Mobilidade Ibero-Americanas.

Lisboa, 18 de fevereiro de 2016. Tem início hoje a nova edição do programa de bolsas de mobilidade do Santander Totta, a través da Santander Universidades, que irá disponibilizar este ano 220 bolsas de mobilidade em países ibero-americanos. O projeto representa um investimento superior a meio milhão de euros por parte do Banco e irá abranger 23 instituições do Ensino Superior em Portugal.

Esta iniciativa visa a criação de um espaço ibero-americano do conhecimento, permitindo e fomentando o intercâmbio de alunos e investigadores entre universidades dos dois continentes. De Portugal, mais de 1300 estudantes já tiveram a oportunidade de ter uma experiência do outro lado do Atlântico ao abrigo deste programa.

Nesta edição, juntam-se ao rol das instituições portuguesas inscritas a Universidade de Évora, a Universidade dos Açores, a Universidade Lusíada, o Instituto Politécnico de Tomar e a Escola Superior de Enfermagem de Santa Maria. Ao todo, participam 410 Instituições dos seguintes países: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Espanha, México, Perú, Porto Rico e Uruguai.

Os participantes têm ao seu dispor as Bolsas de Mobilidade Luso-Brasileiras e/ou as Bolsas de Mobilidade Ibero-Americanas, sendo as candidaturas feitas no portal www.becas-santander.com

As Bolsas de Mobilidade Luso-Brasileiras promovem a mobilidade entre Portugal e o Brasil, permitindo aos universitários das duas nacionalidades ter uma experiência internacional, no mínimo de seis meses, numa universidade do outro País, fomentando assim o intercâmbio cultural e de conhecimento.

As Bolsas de Mobilidade Ibero-Americanas destinam-se às Instituições de Ensino Superior em Portugal e permitem aos alunos de licenciatura e mestrado ter uma experiência de mobilidade, no mínimo de seis meses, em instituições de vários países ibero-americanos. Por outro lado, proporcionam a professores e investigadores realizar uma experiência semelhante, de dois meses ou mais, num centro de investigação ou numa Universidade ibero-americana.

O Santander Totta, através do Santander Universidades em Portugal, continua a intensificar a sua colaboração com as principais instituições de Ensino Superior portuguesas, com quem tem 48 acordos. Em 2015, o Santander Totta investiu cerca de 6 milhões de euros nas Universidades Portuguesas, através do apoio ao conhecimento, à mobilidade internacional, à concessão de Bolsas de Mérito e Prémios Científicos e ao programa de estágios Santander Universidades.

O Banco Santander é a empresa que mais investe no apoio à educação a nível mundial (Relatório Varkey/UNESCO-Fortune 500). Esta iniciativa é desenvolvida pelo Santander Universidades, que colabora com mais de 1.200 universidades e instituições académicas em todo o mundo. Em 2015 foram atribuídas mais de 35.000 bolsas de estágio. Para mais informações consulte www.santander.com/universidades 

Descargar PDF 136 Kb (Disponible solo en portugués)

Compartir en redes sociales

Subir

Imprimir