Icono información

Aviso de cookies

Usamos cookies próprias para melhorar os nossos serviços, mediante a análise dos seus hábitos de navegação. Se continua a navegar nesta página, consideramos que aceita o seu uso nos termos indicados na Política de Cookies. Mais Informação.

Acção SAN (Madrid) Positivo_PT 4.1465 | 0.14% | 17:35

Está na

1856-1930

O grande crescimento do início do século XX: Entre 1900 e 1919, o Banco Santander duplicou o seu balanço, ampliou o seu capital até aos dez milhões de pesetas, aumentou as suas receitas, aproximou-se do número de meio milhão de pesetas em lucros no exercício de 1917 e a sua rentabilidade situou-se acima da média das sociedades de crédito espanholas. Além disso, durante estes anos, foram fundados os três grandes bancos espanhóis que, mais tarde, seriam integrados no Santander: o Banco Hispanoamericano (1900), o Español de Crédito (1902) e o Central (1919).

Emilio Botín y López , primeiro presidente fixo: Em Fevereiro de 1920, Emilio Botín y López é nomeado primeiro presidente fixo do Banco de Santander.

A sede do paseo Pereda e a primeira rede de sucursais: O período que decorre de 1919 a 1939 foi crucial para o Santander. Em 1923, transferiu a sua sede social para o edifício do Paseo de Pereda, fundou o Banco de Torrelavega e criou uma modesta rede de sucursais, na província (a primeira em Astillero, em 1923) e fora dela (Espinosa de los Monteros, Lanestosa e Osorno, em 1924).