Icono información

Aviso de cookies

Usamos cookies próprias para melhorar os nossos serviços, mediante a análise dos seus hábitos de navegação. Se continua a navegar nesta página, consideramos que aceita o seu uso nos termos indicados na Política de Cookies. Mais Informação.

Acção SAN (Madrid) Negativo_PT 4.159 | -0.78% | 18:00

Santander Totta, o 'Banco Mais Sólido' pelo terceiro ano consecutivo

  • Com base num estudo da Deloitte e Informa D&B, a revista 'Exame' reconheceu o Santander Totta como o 'Grande Banco Mais Sólido' em Portugal pelo terceiro ano consecutivo

03/01/2013. Para apurar a solidez dos bancos que operam em Portugal, o estudo analisou cinco indicadores: o custo do risco de crédito em resultados, o rácio de crédito em incumprimento, o rácio de requisitos de fundos próprios, o rácio tier 1 e as responsabilidades com pensões.

O Santander Totta recebeu este galardão pelo terceiro ano consecutivo, o que vem demonstrar a sua estrutura operacional e de balanço sólida.

A solidez e a liquidez foram, mais do que os resultados, as prioridades estratégicas devido à conjuntura económica e de mercados. O Banco quis manter sólidos rácios de capital e liquidez e, por isso, optou por desalavancar o seu balanço pela via da redução do crédito, conjugado com o crescimento dos depósitos.

Num enquadramento económico e financeiro que continua a ser muito difícil e exigente, o Santander Totta continua a registar bons resultados, derivados das suas actividades comerciais e da sua franquia de clientes, e a crescer sustentadamente em depósitos de balanço, reforçando assim a sua solidez e liquidez e, portanto, a sua capacidade para servir e apoiar a economia portuguesa.

Este prémio vem juntar-se a outras distinções que o Santander Totta tem vindo a receber de prestigiosas publicações ao longo de 2012: recentemente foi eleito Banco do Ano em Portugal pela revista The Banker e também Melhor Banco a actuar em Portugal pelas revistas Euromoney e Global Finance.

Descarregar PDF 29 Kb

Partilhar nas redes sociais

Subir

Imprimir